Indios atacam estação de eletricidade

Dos Estados do Nordeste, Pernambuco é provavelmente onde a cultura indígena está mais presente; ver índios de Pernambuco.

No Rio Grande do Norte, os potiguares foram praticamente dizimados já há séculos; na Paraíba, há algumas tribos que ainda mantêm seus costumes na região ao redor da Baía da Traição; na Bahia, particularmente ao redor da Costa do Descobrimento (Porto Seguro, Cabrália, etc), a maioria dos índios já perdeu suas raízes e hoje vive de vender artesanato a turistas.

Em Pernambuco, os índios, embora em número reduzido, têm presença constante e, embora já integrados à sociedade branca, mantêm muito de seus costumes originais; tribos indígenas são presença constante no carnaval do Recife, e volta e meia ocorre uma ocupação da Funai em Pernambuco.

O Jornal do Comércio noticia agora que os fulniô, uma das tribos mais numerosas do Estado, atacaram uma subestação elétrica da Celpe, concessionário estadual de energia.

Os índios da tribo fulniô de Águas Belas (a 275 km do Recife) desligaram a casa de força da subestação da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) localizada dentro daquela reserva indígena, o que provocou a falta de energia naquela cidade e em municípios vizinhos. A falta de energia começou pouco depois das 11 horas. Os índios só liberaram a entrada dos técnicos da Celpe para consertar o problema às 19h30 de ontem. Cerca de 27 mil residências ficaram sem luz.

Os índios desligaram a subestação porque esperavam uma resposta da Companhia Energética de Pernambuco sobre a retirada da subestação da área da aldeia. A Celpe pagou um valor pelo uso da área, que foi fixado num convênio que durou 22 anos. Agora, os índios querem que a Celpe faça um estudo do impacto ambiental que a subestação causou e banque uma indenização pelo período que a subestação ficou na aldeia, segundo a administradora regional da Fundação Nacional dos Índios (Funai), Estela Parnes.

Parece que os índios estão, de repente, assimilando rapidamente a cultura do homem branco.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s