Rota da Crença e da Arte – Pernambuco

O Parque Nacional do Catimbau, embora pouco conhecido, é o segundo maior sítio arqueológico do Brasil; com aproximadamente 62 mil hectares de extensão, o parque está localizado nos municípios de Ibimirim, Tupanatinga e Buíque.

Dentro do Parque, fica o Vale do Catimbau. Em pleno Agreste pernambucano, a ação do vento esculpiu, ao longo dos séculos, gigantescas esculturas naturais. Uma delas ganhou o nome de Pedra da Igrejinha (foto abaixo), por causa de uma fenda em forma de arco semelhante à porta de um templo cristão; escalando-se um mirante ao lado da igrejinha, pode-se avistar a primeira cidade do Sertão, Arcoverde.

igrejinha

Buíque, a 285 quilômetros do Recife, é um dos municípios que compõem a Rota da Crença e da Arte, uma das rotas do programa Pernambuco Conhece Pernambuco, criado pela Secretaria de Turismo do Estado, e que tem por objetivo “levar os pernambucanos a viajar pela própria terra, explorando toda a diversidade de climas, paisagens e culturas que existem no Estado”. Essa rota engloba ainda Belo Jardim, Pesqueira, Poção, Arcoverde, Garanhuns, Bom Conselho e Saloá.

No roteiro, pode-se encontrar artesãos como José Bezerra, que mora dentro do Parque do Catimbau. Pelas suas mãos, animais silvestres tomam a forma de esculturas compostas por junção de galhos de árvore e expostas no chão de terra batida; essa verdadeira galeria a céu aberto fica em frente à casa de taipa onde o escultor reside. Sua obra é exposta em galerias no Recife, São Paulo e Rio de Janeiro, e só pode ser adquirida por encomenda; mas quem quiser visitar o local, será bem-vindo.

Distante 19 quilômetros de Buíque, o Vale do Catimbau é ideal para quem gosta de fazer trilhas; recomenda-se, entretanto, a orientação de um guia local (R$ 50 por dia). São nove opções de passeios, com duração entre 30 minutos e três horas; alguns dos passeios podem ser feitos de carro.

A próxima parada da Rota é Bom Conselho. Lá vive outro talentoso artesão, frei Dimas José Marcelo, fundador da Associação de Artistas em Pedra de Bom Conselho, que se dedica à criação de vitrais, esculturas de pedra, mosaicos e pirografia – e cujos trabalhos também já são exibidos em várias galerias Brasil afora.

A cidade é conhecida pelas igrejas, como o Convento São Fidélis de Sigmaringa e a Igreja Matriz da Sagrada Família; esta última, construída em 1882, chama atenção pela arquitetura em estilo neobarroco e pelos detalhes em ouro nos altares. Além desses, outros templos católicos, como a Ermida de Santa Terezinha, considerada a mais bela do Nordeste, por suas linhas neoclássicas, são um convite ao turismo religioso.

A sugestão de hospedagem é o Hotel-Fazenda Raízes, recém-inaugurado; telefones (87) 3771-1008 e 9925-8245 . O pacote de fim de semana para  casal, com direito a café da manhã, sai por R$ 180; o hotel conta com piscina, pesque e pague e passeio a cavalo.

pocaoOs adeptos do turismo religioso certamente seguirão a Rota da Crença e Arte para visitar o Centro de Instrução Bíblico Visual Cruzeiro, no município de Poção. Concebido em 1961 pelo alemão frei Henrique Bröker, o cruzeiro fica na região mais alta da cidade, a cerca de mil metros de altitude. No caminho até o topo, o visitante se depara com cenários e inscrições bíblicas. Há ainda capela, onde são celebradas missas para a comunidade. A entrada do cruzeiro custa R$ 2.

Poção é também conhecida pela da produção da renda, atividade que absorve 90% da população ativa. Mas nem só de crença e arte vive o município. Também há belezas naturais, como a Cachoeira do Inverno. A queda-d’água fica numa reserva ecológica onde é possível encontrar também pinturas rupestres. A região é conhecida por abrigar a nascente do Rio Capibaribe.

Para se hospedar, a dica é o Hotel Fazenda Poço Encantado, a três quilômetros da cidade. Piscina, salão de jogos, horta, passeios a cavalo e de charrete estão entre os atrativos. A diária com pensão completa para duas pessoas custa R$ 170.


One Comment on “Rota da Crença e da Arte – Pernambuco”

  1. MARCOS disse:

    VENDO FOTOS DE POO, LEMBREI DA MINHA INFANCIA. POIS GRANDE PARTE PASSEI NESTA CIDADE HOJE MORO EM MACEIO/AL, ME DEU UMA SAUDADE….


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s